Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Apeadeiro da Mata

Apeadeiro da Mata

18
Fev22

Ermida de São Pedro – Aldeia da Mata

Francisco Carita Mata

Ermida de São Pedro. Foto Original. 2021.09.01.jpg

Continuamos com a divulgação do Património de Aldeia da Mata. Já abordámos as Fontes. A Casa-Museu. A Ribeira das Pedras, a ponte, as passadeiras, a nora… as cheias!

Pois, neste postal nº 48, divulgamos a Ermida de São Pedro e o Cruzeiro.

Quem se dirigir a Aldeia da Mata, a partir do lado Norte, logo após atravessar a Ponte da Ribeira das Pedras, não segue em frente, pela Estrada Nova. A escassos cinquenta metros da ponte, corta no primeiro desvio à direita, subindo, e logo entra precisamente na Rua de São Pedro, avistando ao cimo da Rua, a Sul, o mencionado Cruzeiro, também a pouco mais de meia centena de metros. Ladeando este, vê a singela, mas peculiar Ermida, conforme a foto documenta. Frontaria de estrutura simples, virada a Leste. Uma porta e encimando esta, uma janela e sobre ela uma placa de granito. No topo da fachada uma cruz também de granito e de trabalho bem interessante, lembrando um floreado. Um campanário exterior. Toda a estrutura assenta num alpendre, também olhando o Nascente, a que se acede por uma escadaria, do lado Sul.

No lado oposto da escadaria, a Este, o cruzeiro, com a datação: 1672. Séc. XVII, portanto.

Se conhece a Ermida…

Talvez nunca tenha reparado na placa em granito que encima a janela da frontaria.

Na pressa com que sempre nos deslocamos, como se nunca tivéssemos tempo de chegar, passam-nos ao lado milhentas coisas… e loisas.

Esta será uma das muitas de que nos desapercebemos e muito boa e santa gente dirá: “Mas que interessa isso?!”

Mas se tiver oportunidade e vagar e a luz do sol ajudar, conseguirá ler:

 

MANDOU

FAZER

J.P. DIAS

1901

 

E quem terá sido J. P. Dias?!

 

05
Fev22

E a Luz venceu a Escuridão!

Francisco Carita Mata

Colocação da lâmpada no poste do “Quintal de Doutor Agostinho”!

Luz venceu escuridão. Foto original. 2022.02.01.jpg

Não, não é uma crónica sobre o mítico Estádio da Luz, lá para os lados da Estrada da Luz, mas onde parece imperar, de facto, a escuridão!

Estava eu no remanso do ancestral “Chão da Atafona”, alindando um canteirão do jardim, do meu escritório campestre. Isto, no dia um de Fevereiro, véspera do “Dia da Senhora das Candeias”, também nomeada “Senhora da Luz”!

Apercebendo-me de alguma movimentação para os lados do “Quintal de Doutor Agostinho”, qual não é o meu espanto e contentamento, quando observo um indivíduo alcandorado no célebre poste do dito quintal, já por diversas vezes referenciado nos blogues a que me dedico.

Colocação lâmpada. Foto original. 2022.02.01.jpg

“E fez-se luz”! Estavam a instalar um candeeiro de iluminação no poste, conforme vimos requerendo há algum tempo. Aleluia! É mesmo o efeito da “Senhora da Luz”!

Excelente! A situação merece ser documentada, pensei. Fui a casa buscar o telemóvel. Entretanto falei com os profissionais que estavam tratando do assunto, fotografei, pedi autorização ao jovem que estava colocando o candeeiro e respetiva lâmpada, para publicar foto. Que autorizou. Uma das que documenta o postal. Ao início da noite, fui verificar o local iluminado. Outra foto documental, a que o titula.

E agora?!, dir-me-ão. É só uma lâmpada! É verdade. Mas contraponho: uma caminhada faz-se com o primeiro passo.

E o que se diz quando nos fazem alguma coisa que pedimos? Pois… Muito Obrigado. Obrigado, é sempre uma palavra muito bonita, que devemos usar com frequência.

Os meus agradecimentos a todas as Entidades competentes que diligenciaram nesse sentido: Autarquias - Câmara Municipal de Crato, Junta de Freguesia de Aldeia da Mata, Proteção Civil, Empresa que instalou a lâmpada. “Visabeira” figurava na carrinha em que se deslocaram os trabalhadores. Agradecimento a estes profissionais, com especial realce para o jovem que se alcandorou ao poste, conforme fotografia. Sem o seu trabalho nada feito. Muito obrigado. Grato também aos Vizinhos que também se interessaram e colaboraram e aos Matenses que, em cargos específicos, deram o seu contributo.

E, novamente…. Só por uma lâmpada?! … Uma caminhada faz-se com o primeiro passo.

E, ainda para as Entidades competentes: Agora, é preciso arranjar esse “entroncamento” da Azinhaga do Poço dos Cães com a Azinhaga da Atafona / Travessa do Fundão.

E votos de muita Saúde, para todos e também, especialmente para si, Caro/a Leitor/a.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D